Um blog escrito por três mulheres, funciona como espaço para catarse, debate e exposição de pensamentos soltos.

.posts recentes

. Pó vivo!

. As duas Casuarinas - Cont...

. As duas casuarinas

. Isso não importa

. Profecia Familiar - Bem q...

. Noticia de ultima hora - ...

. Tai

. Romantismo masculino/Toda...

. Ser inebriante portuga

. Quem tem uma Tia assim nã...

.arquivos

. Maio 2011

. Fevereiro 2011

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

Quinta-feira, 6 de Maio de 2010

Paralelismo entre xixi de cão e o frondoso renascer rebelde da flora

O telefone toca, preparo-me para o encontro inevitável. É a Dona Natércia, ilustre traste representante da empresa que gere o condomínio do meu prédio.

 

- Muito boa tarde. Entro em contacto consigo com carácter de urgência. Você, como bem sabe tem em sua casa uma cadela com cio, e segundo relatos dos restantes condóminos, a porta do prédio encontra-se toda mijada com urina de cães!

 

Para começar a palavra mijado é daquelas horripilantes, que ninguém no seu devido juízo pronuncia…muito desagradável mesmo…causa arrepios. Tentei contornar o fedor da pobreza linguística da interlocutora histérica e levar a conversa para outra direcção (adoro desconversar, é uma das minhas artes). Com voz pousada discorri:

 

- Bem que eu saiba, apenas existe um cão a rondar a minha cadelita. Um cruzado de pastor alemão e laski. É um verdadeiro cavalheiro, espera todos dias que ela saia e entre. Engraçado, é um cão à moda antiga, insiste, faz-lhe rapa pé, se tivesse uma casa com jardim assinava de cruz a união. Apesar da diferença de tamanhos entre os dois...não julgue que é pelo facto da minha bichinha ter LOP, não sou snob!

 

Como o leitor deve ter constatado, utilizei a velha técnica da overdose de informação, estratégia de despiste do tema em foco com grandes resultados provados cientificamente. Porém aviso que deve ser utilizado com cautela, pode gerar crises de agressividade brutais.

 

- Estou farta desse prédio, e dos problemas que ele trás! A sua cadela…onde ía?... Ah… a entrada está mijada! É a marcação de território dos cães, você tem que tomar medidas!

 

Sentia-me algo frustrada. Ela vinha com a cassete riscada naquela palavra com cheiro de forte amoníaco. Parti para a deambulação (adoro deambular, é uma das minhas artes). Por outras palavras se a imbecil tinha tirado o dia para me chatear teria de levar com um raro momento de associação livre de ideias. Em tom de real debate de ideias rematei:

 

- Já reparou que não existem cães pós românticos. Não existe a fatalidade do carácter não retráctil das faculdades pós-românticas adquiridas! Ela nunca irá sofrer de males de amor..falta de assistência na cambalhota...despedidas amorosas em Verdana 10....

 

- Não existe a fatalidade de?...Importasse de repetir? Assistência? Verdana?

 

Como é que vou explicar a está imbecil o carácter retráctil dos sentimentos, juntamente com a tese da testosteronama mal parada.

 

- A teoria é do Bruno Sena Martins! Em resumo há homens pós-romanticos! Desculpe lhe tirar o seu tempo mas o tema da vida sexual da minha cadela é um assunto apaixonante. Quando eu era miúda sonhava que um belo dia a natureza ia tomar conta do mundo, tudo ia ser inundado de verde, as trepadeiras cobririam o prédios e os candeeiros de rua, o pavimento das estradas ficariam repleto de plantas selvagens... Não acha que esses xixisinhos territóriais tem algo de rebelião da natureza?

 

- Olhe, não tenho tempo para mais conversas. Compre repelente para cães e mande operar a sua cadela. Boa noite!

 

Quando o telefone caiu matutei. Será que o paralelismo entre xixi de cão e o frondoso renascer rebelde da flora é algo forçado.

 

Maria João

publicado por mulheresforadehoras às 21:30
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.links

.Contador

Condos
Cell Phone Family Plans
blogs SAPO

.subscrever feeds