Um blog escrito por três mulheres, funciona como espaço para catarse, debate e exposição de pensamentos soltos.

.posts recentes

. Pó vivo!

. As duas Casuarinas - Cont...

. As duas casuarinas

. Isso não importa

. Profecia Familiar - Bem q...

. Noticia de ultima hora - ...

. Tai

. Romantismo masculino/Toda...

. Ser inebriante portuga

. Quem tem uma Tia assim nã...

.arquivos

. Maio 2011

. Fevereiro 2011

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

Quarta-feira, 28 de Fevereiro de 2007

Lucky-Luck e a Trota Selvagem

Ele dissertou sobre a sua habilidade como amante. Durante horas discorreu sobre a sua magia única, de como era um exímio conhecedor do corpo feminino, entendido nos seus segredos e meandros crípticos, basicamente tinha acrescentado alguns largos capítulos ao Kamasutra.

Depois deitaram-se, e ele revelou que na realidade era um herói, mais concretamente de banda desenhada, um autentico Lucky-Luck - disparando mais rápido que a sua própria sombra, por momentos ela era Trota Selvagem (o índio pouco impassível) das histórias do cowboy.

Maria João F.

publicado por mulheresforadehoras às 13:06
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De altino a 28 de Fevereiro de 2007 às 16:36
ele e ela viveram ? vivem? ou continuam sendo pesonagens do nosso inquieto cadeado emocional?
De TheEconomist a 28 de Fevereiro de 2007 às 18:47
É giro ver o Lucky Luke a acrescentar capítulos ao Kama Sutra.

Algo me diz que as minhas preferências em termos de heróis estão erradas. Eu sempre fui um fã do Batman, pelo seu carácter negro, triste, desolado, solitário e vingativo.

E claro, aquele fato é lindíssimo e combina muito bem com o fato da Catwoman. Todo aquele couro preto, os ambientes pesados, o sadomasoquismo latente são dos melhores afrodisíacos que há.

Mas o Lucky Luke está bem interessante. Uma texana simpática ou uma índia sensual de pele tisnada pelo sol inclemente das pradarias ou do deserto, devem ser no meio da imensidão americana um excelente incentivo a tornar-me um "poor lonesome cowboy".

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds